Translate

quarta-feira, março 25, 2015

A segunda Lua da Terra pode revelar mistérios do Sistema Solar

Geralmente estamos acostumados a aprender que ela [a Lua] é o único satélite que temos, porém, em 1997 foi descoberto outro, o Cruithne 3753, considerado satélite quase-orbital da Terra. Isso significa que o astro não dá voltas em torno da nossa órbita, mas Cruithne dá diversas voltas no Sistema Solar inteiro, o que fica conhecido como órbita ferradura. Esse tipo de movimento é muito comum, diversas luas de Saturno possuem essa configuração.
Cruithne é nossa segunda lua, na verdade não sabemos a composição, o astro possui 5 quilômetros de comprimento o que faz parecer com o famoso cometa 67P / Churyumov-Gerasimenko onde está a sonda Rosetta.

Climatologia


Nenhum comentário: