Translate

quarta-feira, outubro 15, 2014

Condenado por atear fogo e matar o índio Galdino é aprovado em concurso da polícia no DF

Acusado de participar do crime que matou o índio Galdino Jesus dos Santos (44) em 1997, passou em concurso público da Polícia Civil do Distrito Federal. Na época do crime, Gutemberg Nader Almeida Junior (34), tinha 17 anos e cumpriu 4 meses de medida socioeducativa. Ele e mais quatro amigos colocaram fogo no índio que dormia em um ponto de ônibus após voltar de uma festa em comemoração ao Dia do Índio e teve 95% do corpo queimado.
Leia a matéria completa em: Geledés

Nenhum comentário: