Translate

sábado, abril 30, 2011

Pesquisa da Pro teste aponta substâncias prejudiciais à saúde em esmaltes





Depois de analisar 12 tons de esmaltes da cor branca das marcas Colorama, Risqué e Impala, a Associação Brasileira de Defesa do Consumidor (Pro Teste) afirmou que há substâncias prejudiciais à saúde em alguns deles. O dibutilftalato e o nitrotolueno já foram eliminados das fórmulas de esmaltes vendidos na Europa, por serem considerados cancerígenos. Mas, no Brasil, ambos são permitidos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Segundo a Pro Teste, os esmaltes da Impala (inclusive os da linha hipoalergênica) contém dibutilftalato, e os da Risqué, nitrotolueno. Ambos trariam ainda tolueno, solvente usado para fixação, em quantidades próximas ao limite permitido. A associação pediu à Anvisa que proíba a inclusão das substâncias nas fórmulas.
saiu no Yahoo Brasil

Nenhum comentário: