Translate

segunda-feira, março 08, 2010

Big Brother Brasil, Serginho o melhor.



O concorrente Sérgio Barros (Sérginho) do Big Brother Brasil 10, mostra um Brasil onde não existe homofobia e todas pessoas compreendem as atenuantes de um comportamento não hetero.
Mas sera verdade? O brasileiro esta realmente preparado para viver ao lado de gays, trans, drag queen?
As várias vezes que a câmera focaliza os olhares reprovadores de um Marcelo Dourado (outro participante) que em determinada ocasião demonstrou homofobia no passado e atualmente, quando o participante Sérgio faz seu strip tease numa festa no ultimo sábado dia 6 de março.

Por que um personagem como Marcelo é protegido pela produção do programa e continua lá dentro mesmo mostrando essas atitudes? Por ser um produto que vende? Músculos e machismo que fazem as mulheres sonharem ou por traz das câmeras tem alguém que se apaixonou pelo seu corpo cheio de ilusão que só o tempo mostrara?
Homofobia pode ser sinônimo de se sentir olhando no espelho? Deixamos a resposta aos psicólogos.
Voltando a Serginho, um concorrente que tem tudo para vencer, se não acontecer hipocrisias da parte da emissora, realístico nos seus modos, sua beleza não deixa a desejar a nenhuma menina da playboy e nenhum machista musculoso.

Devemos admitir que entre caras e bocas, a produção do programa poderia dar uns puxões de orelha nos concorrentes, em relação ao vocabulário anti cultural, onde o público tem que conviver com vocabulários de baixo calão, e palavrões obscenos, não esta sendo tutelada as crianças que assistem o programa. No mais, parabéns Serginho pelo seu carisma.


Texto: Autora do blog.

2 comentários:

Cris do Império disse...

Obrigada flor, seu blog está lindo !

Águas da Vida disse...

Obrigada cris.