Translate

domingo, fevereiro 28, 2010

Pastores evangélicos condenam À morte crianças acusadas de bruxaria


Nwanaokwo Edet, 9 anos, foi forçada a beber ácido pelo pai após pastor evangélico acusá-la de bruxaria. A menina ficou cerca de 1 mês internada em Akwa Ibom, Nigéria, antes de morrer.

Neste artigo apresento os fatos, que já são do conhecimento de alguns, sobre a situação das igrejas evangélicas na Nigéria, onde os pastores estão acusando crianças de serem bruxas e cobrando altas taxas para exorcizá-las. Procurei fazer uma exposição clara para que o cidadão normal, não acostumado com a linguagem do "gueto" evangélico, também pudesse compreender a situação.
O leitor também encontrará informações sobre o grupo brasileiro do "Caminho da Graça" enviado à Nigéria, pelo pastor Caio Fábio, com a ajuda de irmãos do Caminho em todo o Brasil. As informações que deram origem as investigações são formadas por dois vídeos (vídeo 1, vídeo 2), e as demais estão reunidas no site do pastor Caio Fábio na seção intitulada "Dossiê Nigéria".

Foto:Mary, 13 anos. Jogaram ácido em seu rosto após ser acusada de ser uma bruxa. Fonte: http://guardian.co.uk
Quem são os pastores que praticam esse tipo de coisa?
São pastores que se "converteram" das "cruzadas evangelísticas" feitas por missionários da América do Norte ou da Europa, que seguem a linha pentecostal e neopentecostal de doutrina (pentecostais, por exemplo, Igreja Universal do Reino de Deus, Assembléia de Deus, Igreja do Evangelho Quadrangular, Igreja Brasil para Cristo, Igreja Deus é Amor, entre muitas. Como exemplo de neopentecostais, temos: Igreja da Graça, Igreja Mundial do Reino de Deus, Igreja Renascer em Cristo, Igreja Sara Nossa Terra).

Reportagem completa no site Novo Amanhecer imagens e videos de grande impacto, aconselhamos a visão somente de pessoas fortes a esses tipos de imagens.

Nenhum comentário: