Translate

sábado, junho 20, 2009

Intolerancia Religiosa


Pastor e estudante são os primeiros presos por intolerância religiosa no País
Rio - O pastor evangélico Tupirani da Hora Lores, 43 anos, e o estudante Afonso Henriques Alves Lobato, 26, são os primeiros presos no País por intolerância religiosa. Eles são acusados de postar na Internet vídeos e textos que incentivam a violência contra seguidores de outras religiões. Os dois foram denunciados à polícia pela Comissão de Combate à Intolerância Religiosa, formada por representantes de diversas religiões, com apoio do Ministério Público, Tribunal de Justiça e Polícia Civil. A dupla foi enquadrada na lei de combate à intolerância religiosa, mais conhecida como Lei Caó.
O Dia Online

Um comentário:

JANEIDE MATTOS disse...

Gostei do post!