Translate

terça-feira, junho 05, 2007

News Brasil e o Mundo


Brasil exporta carne ilegalmente via Europa, diz Rússia
O Brasil está usando a União Européia como plataforma para reexportar carne à Rússia, disse nesta segunda-feira o diretor do Serviço Federal de Controle Veterinário e Fitossanitário russo, Sergei Dankvert.
"Ao inspecionar empresas de processamento de carne, nossos especialistas descobriram mais de 40 certificados falsos de veterinários, com os quais mais de mil toneladas de carne brasileira foram importadas pela Rússia via Lituânia", afirmou Dankvert à agência oficial russa Itar-Tass.
BBC Brasil


Ronco aumenta risco de Mal de Alzheimer, diz estudo.
Pessoas que roncam muito podem estar mais sujeitas a desenvolver o Mal de Alzheimer, dizem pesquisadores da Leeds University, na Grã-Bretanha.
Segundo os especialistas, o ronco, assim como quaisquer fatores que provoquem uma diminuição da oxigenação no cérebro - entre eles, derrames e ataques cardíacos - tornam o paciente vulnerável à acumulação de substâncias tóxicas que estariam associadas ao Mal de Alzheimer.
BBC Brasil


Banho demais leva a problemas de pele em bebês
Um estudo publicado na revista Mother and Baby indica que bebês “limpos demais” são mais propensos a ter doenças de pele como eczema.
De acordo com a pesquisa, os bebês de hoje têm duas vezes mais chances de terem problemas de pele do que os da geração de seus pais.
Pesquisa diz que três banhos por semana é mais do que suficiente.
BBC Brasil


Paris Hilton ficará presa durante 23 dias
A herdeira do império Hilton, Paris Hilton, começou a cumprir sua pena de prisão imposta depois que ela violou a liberdade condicional por dirigir embriagada.
A milionária e socialite, de 26 anos, se apresentou para as autoridades carcerárias de Los Angeles no domingo, de acordo com o advogado dela.
Hilton compareceu à cerimônia de entrega do prêmio MTV para o cinema poucas horas antes, onde ela disse a repórteres: "Eu estou realmente temerosa, mas estou disposta a enfrentar minha sentença."
BBC Brasil


Derretimento de geleiras afetará 40% da população, diz ONU
O futuro de milhões de pessoas em todo o mundo será afetado pelo derretimento da cobertura de gelo, dos mares de gelo e de geleiras causado pelo aquecimento global, segundo relatório do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma) divulgado nesta segunda-feira, em Tromso, na Noruega.
O relatório estima que 40% da população mundial poderá ser afetada pelo derretimento da neve e de geleiras nas montanhas da Ásia.
BBC Brasil

Nenhum comentário: