Translate

segunda-feira, janeiro 22, 2007

News Brasil e o Mundo


Cobras viram ameaça na Austrália devido a seca
O calor e a pior seca do país em uma geração estão fazendo com que as cobras se tornem uma grave ameaça para os australianos neste verão.
Um menino de 16 anos morreu há uma semana em Sydney depois de ser mordido por uma espécie conhecida na Austrália como 'marrom do leste', uma das serpentes mais venenosas do mundo.

Em Darwin, outra cobra marrom matou um homem num jardim.
'Conforme as áreas estão secando e as cobras têm de andar mais atrás de água, elas são levadas para áreas urbanas', disse a diretora do Parque Australiano dos Répteis, Mary Rayner, na segunda-feira à Reuters.
Picarelli


Americano cai do 17º andar de hotel e sobrevive
Um anjo segurou...
Um homem sobreviveu após cair do 17º andar de um hotel na cidade americana de Minneapolis, na madrugada deste domingo.
Joshua Hanson, de 29 anos, sofreu fraturas múltiplas e ferimentos internos mas deve se recuperar, de acordo com os médicos que cuidam dele.
BBC Brasil


Regras de etiqueta
Variam de acordo com a cultura dos povos. Na China, não arrotar na mesa, logo após a comida, significa que não se apreciou a refeição. No Brasil, manda a cortesia que se abra a porta para o visitante sair. Na Europa Oriental, seria descortesia. Teria o significado de "ponha-se na rua".
( curiosidades - Terra )


Árvore da Amazônia produz combustível
Há uma árvore curiosa na Amazônia, o louro inamoim, chamada de árvores da gasolina pelos caboclos. Ela pode atingir até 25 metros de altura e produz um líquido esverdeado, do qual se pode extrair um combustível muito semelhante à gasolina, porém não há pesquisas sobre o seu aproveitamento.
( curiosidades - Terra )


Meninas não recebiam nome na China antiga
Na China antiga, as meninas eram tão indesejadas nas classes pobres que não recebiam nome ao nascer. Até se tornarem adultas, eram conhecidas apenas pelo lugar que ocupavam na lista numerada de nascimentos: a primeira, a segunda, a terceira filha etc. ( curiosidades - Terra )


Moscas domésticas
Uma mosca doméstica vive cerca de três a oito semanas. Nesse meio tempo, ela produz de 400 a mil ovos. Toda essa fertilidade faz com que uma fêmea possa ter seu número de decendentes, enquanto viva, escrito com treze dígitos (ou seja, cerca de um quatrilhão de parentes, entre filhos, netos e bisnetos). Além de ter famílias muito grandes, a mosca também é muito suja para alguém do seu tamanho. Um único espécime pode carregar consigo aproximadamente 1.250 milhões de bactérias. ( curiosidades - Terra )

4 comentários:

Hilda disse...

Curiosidades e notícias... obrigada por elas, Águas! Ahh... sobre etiquetas estranhas às nossas, parece que no Japão, ao tomar sopa, deve-se sorver da colher com ruídos para demonstrar aprovação por ela... rs, rs, rs...

Águas da Vida disse...

Essa eu nao sabia querida Hilda, que mundo cheio de diversidades...Importante é conviver com elas, mas que é dificil escutar um arroto numa mesa, isso é! (risos)
Big Kiss

Desambientado disse...

Se aproveitassemos para produzir essas árvores, equilibrariamos o dióxido de carbono na atmosfera, dado que o que se liberta aquando da queima, é resultado do que já foi absorvido.

Águas da Vida disse...

Concordo "Desambientado" boa sugestão! Obrigada pela participação.
Big Kiss